Busca de Diários Oficiais


Diário RJ - Just.Est. - II - Judicial - 2ª Instância

suas bagagens, salvo motivo de forca maior, sendo nula qualquer clausula excludente da responsabilidade".5. O dano moral exsurge in re ipsa, pois decorre da propria conduta do ofensor, uma vez que nao se mostra razoavel que o passageiro que realiza contrato de transporte, no qual deva chegar incolume ao seu destino, sofra lesoes em seu percurso. 6. Os traumas apresentados pelo autor foram em grau minimo e acarretaram a incapacidade parcial para realizar suas atividades habituais durante 4 dias, de acordo com o laudo pericial.7. A decisao a quo fixou a indenizacao em R$ 3.000,00, o que se revela proporcional e dentro da media do que costuma estabelecer este Tribunal para casos correlatos, nao merecendo reducao. Precedentes: 0039847-49.2015.8.19.0205 - APELACAO - Des(a). WILSON DO NASCIMENTO REIS - Julgamento: 25/01/2017 - VIGESIMA QUARTA CAMARA CIVEL CONSUMIDOR8. Onus sucumbenciais que devem ser suportados pelo autor, uma vez que logrou exito na parte minima dos pedidos, consoante artigo 86, paragrafo unico do CPC/2015.9. Termo inicial dos juros moratorios que nao merece reparo, incidindo a contar

Importante: Todos os documentos armazenados para fins de busca e exibição no Radar Oficial são documentos de conhecimento público e disponibilizados por fontes oficiais em seus sites originais.