Busca de Diários Oficiais


Diário CE - Justiça

vigente no Pais - no caso de invalidez permanente]. Ou seja, a par da vedacao pelas Leis 6.205/75 e 6.423/77, que tinha por 
fim estabelecer a descaracterizacao do salario minimo como fator de correcao monetaria, o art. 3.o da Lei n.o 6.194/74 utilizava 
o salario minimo como coeficiente de atualizacao como criterio para o calculo do estabelecimento do valor da indenizacao 
devida em materia de seguro obrigatorio de danos pessoais causados por veiculos automotores de via terrestre, ou por sua 
carga, a pessoas transportadas ou nao. Ocorre que o legislador infraconstitucional alterou o primitivo criterio de utilizacao do 
salario-minimo com fator de correcao, disciplinando valores estanques de indenizacao, como se observa pela nova leitura do 
art. 3.o da Lei n.o 6.194/74 dada pela 340 de 29/12/2006, convertida na n.o 11.482/2007. Com efeito, o novo texto a legislacao 
acerca da verba securitaria DPVAT e estabeleceu que a cobertura para os sinistros automobilisticos, e as lesoes deles 
decorrentes, deverao enquadrar-se na tabela anexa ao texto, tomando por base a cobertura de gradacao maxima de R$ 
13.500,00. A gradacao em caso de invalidez parcial, antes de aplicacao duvidosa, agora e cogente, tendo o legislador 
Importante: Todos os documentos armazenados para fins de busca e exibição no Radar Oficial são documentos de conhecimento público e disponibilizados por fontes oficiais em seus sites originais.