Busca de Diários Oficiais


Diário RS - Legislativo

DIARIO OFICIAL DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

Porto Alegre, sexta-feira, 8 de novembro de 2019.

PRO 121

O SR. PRESIDENTE LUIS AUGUSTO LARA (PTB)  Estao reabertos os trabalhos.
Cumprimento a nossa assistencia. Sejam todos bem-vindos ao Plenario 20 de Setembro da
Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul. Quero parabenizar os visitantes tambem pela disposicao e
forma entusiasmada na defesa dos seus ideais e dos seus interesses. Esta Casa acolhe esse tipo de
manifestacao, porem, e importante sempre lembrar que, quando houver um deputado na tribuna, o
Regimento Interno nao permite manifestacao de quem quer que seja, nem mesmo de um outro deputado,
enquanto o orador estiver na tribuna. Esse e um direito sagrado dos parlamentares. No intervalo, entre as
falas, serao permitidas manifestacoes das galerias. Conto com a compreensao de todos, ja que esta Casa e a
Casa do Povo e da liberdade de expressao.

O SR. PEPE VARGAS (PP)  Sr. Presidente, em nome da bancada do Partido dos Trabalhadores,
gostaria de solicitar, nos termos do art. 194, inciso X, do Regimento Interno da Casa, que seja registrado
nos anais do Parlamento o voto de pesar pelo falecimento do ex-deputado desta Casa, padre Roque
Grazziotin.
Ha varios colegas presentes que privaram do convivio do deputado Padre Roque Grazziotin.
Gostaria de ler, no microfone de apartes, o voto de pesar.
(Transcreve-se a materia lida.)

Sr. Presidente, em nome da bancada do Partido dos Trabalhadores, requeiro a V. Exa., nos
termos do art. 194, inciso X, do Regimento Interno, que seja registrado, nos anais deste Parlamento, voto
de pesar pelo falecimento do ex-deputado Padre Roque Grazziotin, parlamentar desta Casa na 50a
Legislatura, no periodo de 31 de janeiro de 1999 a 31 de janeiro de 2003, ocorrido no dia 22 de setembro
de 2019.
O padre Roque Grazziotin foi ordenado padre em 1973 e desenvolveu o seu sacerdocio
principalmente nas comunidades de Caxias do Sul. Foi fundador do Partido dos Trabalhadores em Caxias
do Sul, atuou nas pastorais sociais e esteve a frente dos principais movimentos para a consolidacao da
democracia e na busca por justica social. Tambem foi presidente da Fundacao Universidade de Caxias do
Sul. Na Assembleia Legislativa, foi presidente da Comissao de Cidadania e Direito Humanos.
Entao, despedimo-nos do padre Roque Grazziotin. Ele teve uma acidente vascular cerebral ainda
em dezembro de 2017. Fazia tempo que nao conseguia sequer mais se expressar, nao conseguia falar e, neste
domingo, veio a falecer.
Assim, Sr. Presidente, solicito a todos os presentes 1 minuto de silencio em homenagem a memoria
do ex-deputado Padre Roque Grazziotin.
Muito obrigado, Sr. Presidente.

O SR. PRESIDENTE LUIS AUGUSTO LARA (PTB)  Deputado Pepe Vargas, acolho a
solicitacao de V. Exa. Gostaria tambem de me solidarizar, uma vez que fui contemporaneo do deputado
Padre Roque Grazziotin, na legislatura em que ambos fomos deputados nesta Casa. Tratava-se de um
homem cristao, apaziguador, construtor. Referendo tudo o que V. Exa. falou em relacao aos predicados do


Importante: Todos os documentos armazenados para fins de busca e exibição no Radar Oficial são documentos de conhecimento público e disponibilizados por fontes oficiais em seus sites originais.