Busca de Diários Oficiais


Diário AL - TRE

Ano 2019, Numero 144 Maceio, quinta-feira, 1 de agosto de 2019 Pagina  3
Diario Eletronico da Justica Eleitoral de Alagoas. Documento assinado digitalmente conforme MP n. 2.200-2/2001 de 24.8.2001, que institui a Infra-estrutura de 
Chaves Publicas Brasileira - ICP-Brasil, podendo ser acessado no endereco eletronico http://www.tse.jus.br
O PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE ALAGOAS, no uso de suas atribuicoes legais e regimentais,
 
CONSIDERANDO que, na forma do art. 87, da Resolucao TRE/AL no 15.904/2018 (Regulamento do TRE-AL), a Secretaria de Tecnologia da 
Informacao deve atuar para planejar, dirigir, coordenar e supervisionar o funcionamento dos servicos informatizados no ambito do Tribunal 
e das Zonas Eleitorais, exercendo as medidas necessarias para o regular andamento dos trabalhos conduzidos pelas Coordenadorias sob a 
sua direcao;
 
CONSIDERANDO a Resolucao CNJ no 211/2015, que institui a Estrategia Nacional de Tecnologia da Informacao e Comunicacao do Poder 
Judiciario (ENTICJUD), para o periodo de 2015 a 2020, na qual esta prevista a definicao do Macroprocesso de Governanca e de Gestao, 
composto, dentre outros, pelo Processo de Gerenciamento de Projetos;
 
CONSIDERANDO a Resolucao TRE-AL no 15.809/2017, que aprova o Plano Estrategico de Tecnologia da Informacao e Comunicacao da 
Justica Eleitoral de Alagoas para o periodo de 2015 a 2020, destacando, como um dos objetivos estrategicos, o compromisso de aprimorar 
a gestao e governanca de TIC;
 
CONSIDERANDO que o Conselho Nacional de Justica instituiu, por meio da Portaria CNJ no 88/2019, o novo premio CNJ de qualidade, 
passando a ser avaliada a governanca da Tecnologia da Informacao, atraves de macroprocessos tendentes a definir as acoes necessarias 
para o alcance de melhor rendimento do questionario de governanca de TIC, proposto anualmente pelo CNJ;
 
CONSIDERANDO o disposto no Processo SEI no 0005428- 92.2019.6.02.8000,
 
 
RESOLVE
 
 
Art. 1o Instituir grupo de trabalho composto pelo:
 
I - Secretario de Tecnologia da Informacao, que coordenara os trabalhos;
 
II - Coordenador de Infraestrutura, que secretariara os trabalhos;
 
III - Coordenador de Sistemas Eleitorais;
 
IV - Assistente VI da Assessoria Especial da Presidencia;
 
V - Assistente III da Assessoria de Gestao Estrategica.
 
Art. 2o O grupo de que trata o artigo anterior tem por finalidade avaliar possiveis entraves amelhoria da maturidade da Governanca de TIC 
e definir as acoes necessarias para o alcance de melhor rendimento no questionario de governanca de TIC proposto anualmente pelo CNJ, 
devendo avaliar, sem prejuizo de outras tematicas, os macroprocessos de:
 
I - Gerenciamento de escopo e de arquitetura;
 
II - Processo de sustentacao ou manutencao;
 
III - Diretrizes para avaliacao e incentivo ao desempenho de gestores de TIC;
 
Importante: Todos os documentos armazenados para fins de busca e exibição no Radar Oficial são documentos de conhecimento público e disponibilizados por fontes oficiais em seus sites originais.