Busca de Diários Oficiais


Diário RJ - Just.Est. - II - Judicial - 2ª Instância

ilegitimidade ativa do Demandante, vez que nao demonstrou ser proprietario do automovel danificado no evento. O Requerente alegou que o veiculo esta registrado em nome de seu falecido amigo, Ademir Rosa da Silva, que haveria autorizacao para transferencia de propriedade (ATPV em aberto), sendo, portanto, parte legitima para propor a demanda. Observa-se, contudo, que nao foi localizado nos autos o aludido documento, nem outro que pudesse corroborar a alegacao de que o bem lhe foi vendido. Considerando-se que o onus de comprovar a compra do veiculo e do Suplicante, nos termos do art. 373, inciso I, do Novo Codigo de Processo Civil, e, ainda, que a regra e a legitimacao ordinaria, deve ser reconhecida sua ilegitimidade. Assim, deve o feito ser extinto

Importante: Todos os documentos armazenados para fins de busca e exibição no Radar Oficial são documentos de conhecimento público e disponibilizados por fontes oficiais em seus sites originais.