Busca de Diários Oficiais


Diário RS - Legislativo

DIARIO OFICIAL DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

Porto Alegre, quarta-feira, 13 de novembro de 2019.

PRO 27

E eu nao poderia deixar de registrar aqui as ligas femininas de combate ao cancer, que se dedicam aos varios
tipos de cancer, pessoas que dao acolhida, que dao consolo, que ajudam mulheres ou homens a passarem por essa fase
que e dificil, que e uma fase de superacao a cada dia.
Temos tambem o Imama e a Federacao da Mama, dos quais as lutas maiores tambem sao divulgadas.
Segundo o acompanhamento do Cresce RS, o Mamamovel esta pronto para andar pelo Estado e fazer
diagnosticos, detectar inumeros casos de cancer que as mulheres e que os homens ainda nao perceberam.
Entao, eu gostaria de dizer que essa e uma das maiores lutas que nos temos que fazer, que e a luta pela vida.
Cada vida que, com a nossa informacao, com a nossa atencao, com o nosso carinho, nos pudermos ajudar a passar por
momentos tao dificeis, valera a pena.
Assim, temos material na nossa comissao. Sei que cada deputado tem o seu material, mas divulgar e a forma
de educar, de sensibilizar e de lutar pelas leis maiores, por medicamentos melhores, porque queremos que a saude seja
realmente a prioridade numero um. (Nao revisado pela oradora.)

O SR. PRESIDENTE (Vilmar Zanchin  MDB)  Por solicitacao da deputada Luciana Genro, concedo a
palavra a S. Exa. para uma comunicacao de lider.

A SRA. LUCIANA GENRO (PSOL)  Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados:
Quero saudar, mais uma vez, os servidores do Judiciario. Estamos juntos nessa luta em defesa do plano de
carreira.
Mas eu quero falar sobre as mulheres, porque nos estamos iniciando hoje o mes de outubro e estamos todas
aqui com os lacos cor-de-rosa que a deputada Fran Somensi nos trouxe. E e muito importante essa campanha para que
as mulheres busquem acesso aos servicos de mamografia para a prevencao do cancer de mama.
Evidentemente que e preciso que os servicos estejam disponiveis, e preciso que as mulheres encontrem
acolhida especialmente na rede publica para fazer os exames preventivos do cancer de mama e, quando esse cancer for
detectado, para que elas encontrem um tratamento rapido para a prevencao e para o tratamento do cancer. E e
fundamental que se discuta politicas publicas voltadas para as mulheres neste momento em que estamos discutindo a
LDO, ou seja, o orcamento de 2020.
No que diz respeito a uma epidemia que toma conta do nosso Pais, que e a violencia contra as mulheres, o
orcamento do governador Eduardo Leite preve apenas 20 mil reais para a prevencao de violencia contra as mulheres.
Isso e a mesma coisa que nada, e menos do que a cota anual da Procuradoria da Mulher aqui na Assembleia
Legislativa. E ridiculo pensarmos em se fazer politica com 20 mil reais ao ano.
Inclusive, nos reunimos ja numa audiencia publica, no dia 11 de setembro, com varias entidades do
movimento de mulheres e ficamos todas perplexas com a falta de uma politica do governo do Estado no que diz
respeito a prevencao da violencia contra a mulher, algo que se refletiu no orcamento. Estamos encaminhando ao
governador Eduardo Leite uma carta apelando para que ele, em primeiro lugar, tenha uma politica voltada para a
questao das mulheres do Rio Grande do Sul.
Sequer a diretora do Departamento de Mulheres da Secretaria de Justica e Cidadania foi nomeada  e, ha
pouco, estava aqui o secretario Paladini , ja que nao ha nenhuma prioridade para politicas voltadas as mulheres no
governo Eduardo Leite. A equipe que atua no Centro Estadual de Referencia da Mulher Vania Araujo e precaria e
tambem sequer tem uma coordenadora de equipe para elaborar uma politica que o centro possa desenvolver.
Alem disso, o Conselho Estadual das Mulheres teve o seu mandato vencido, e o governo nao chamou novas
eleicoes. Com os 20 mil reais de politica de prevencao da violencia contra a mulher e absolutamente impossivel nao nos
organizarmos, enquanto parlamentares mulheres, para reivindicar ao governo que reverta essa nao politica.


Importante: Todos os documentos armazenados para fins de busca e exibição no Radar Oficial são documentos de conhecimento público e disponibilizados por fontes oficiais em seus sites originais.